quarta-feira, agosto 10, 2022
InícioEsportesGrêmio confirma o retorno do técnico Felipão

Grêmio confirma o retorno do técnico Felipão

O consagrado técnico Luiz Felipe Scolari assinou contrato com o Grêmio até o final de 2022 e chega com os auxiliares Paulo Turra e Carlos Pracidelli.

A direção do Grêmio oficializou a contratação do técnico Luiz Felipe Scolari. O anúncio ocorreu após a derrota para o Palmeiras, por 2 a 0. Felipão assinou contrato até o final de 2022 e chega com os auxiliares Paulo Turra e Carlos Pracidelli.

Felipão vai iniciar a sua quarta passagem pelo Grêmio no próximo sábado, no clássico contra o Internacional, que será disputado na arena gremista. Por coincidência, no início da sua terceira passagem pelo tricolor, em julho de 2014, Felipão também estreou em um clássico GreNal, que foi disputado no Beira-Rio e teve a vitória do colorado por 2 a 0.

Com o Grêmio, Felipão foi campeão da Libertadores da América, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro, todos estes títulos na década de 90. Luiz Felipe Scolari é um dos maiores treinadores da história tricolor. Recentemente foi eternizado com os seus pés na calçada da fama do Grêmio.

Neste retorno ao Grêmio, Felipão terá a missão de evitar o terceiro rebaixamento da história do tricolor gaúcho. Hoje, o Grêmio é o lanterna do Campeonato Brasileiro, com dois pontos conquistados em 24 disputados. A situação gremista já é dramática, a ponto de abrir mão da disputa da Copa do Brasil e da Copa Sul-Americana, provavelmente colocando time alternativo nestas competições e focando somente no Brasileiro.

Leia Também: Janio Dias busca melhorias para o município junto ao DER

Nesta quarta passagem, o técnico Luiz Felipe Scolari também poderá atingir a marca de treinador que mais comandou o Grêmio na sua história. Atualmente a marca pertence a Renato Portaluppi, com 411 jogos. O segundo treinador é Oswaldo Rolla, com 383 partidas. O terceiro é Felipão, com 370 jogos.

Para ultrapassar Renato, ainda na temporada 2021, Felipão terá que realizar os 30 jogos que restam no Brasileiro, indo a 400 jogos, e na Copa do Brasil e Copa Sul-Americana, disputar no mínimo mais 12 partidas nas duas competições, totalizando 412 jogos contra 411 de Renato Portaluppi.

Com informações do portal Goal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias