terça-feira, maio 28, 2024
InícioEconomiaInício do contrato da Petrobras com a Unigel é adiado

Início do contrato da Petrobras com a Unigel é adiado

O polêmico contrato visa o fornecimento de gás às Fafens de Sergipe e da Bahia. O contrato foi adiado pela Petrobras.

A Petrobras anunciou um novo adiamento para o início da vigência do seu contrato mais controverso sob a atual administração: o acordo com a petroquímica Unigel.

Esta informação foi pulicada pela coluna de Lauro Jardim, do jornal “O Globo”. Esse contrato visa garantir o funcionamento das Fabricas de Fertilizantes Nitrogenados (Fafens) de Laranjeiras (SE) e Camaçari (BA), arrendadas pela Unigel à petrolífera.

LEIA TAMBÉM: Vereadores de Laranjeiras aprovam a lei que cria o Conselho Municipal de Igualdade Racial

O adiamento ocorreu após a área técnica do Tribunal de Contas da União (TCU) recomendar a suspensão do contrato, citando riscos de prejuízo significativo para a estatal, próximo a meio bilhão de reais, e apontando indícios de irregularidades graves. Pelo acordo, a Petrobras fornecerá gás natural às Fafens localizadas em Sergipe e na Bahia.

O contrato, originalmente firmado em 29 de dezembro, teve seu início previsto para fevereiro passado, adiado para março e, posteriormente, para 28 de abril. Agora, a Petrobras optou por aguardar mais 60 dias antes de colocá-lo em prática.

Com informações da BPMoney

Siga o RS no instagram

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias