quarta-feira, abril 24, 2024
InícioLaranjeirasJuca negocia com o SINTESE reajuste do piso dos professores

Juca negocia com o SINTESE reajuste do piso dos professores

O encontro entre os dirigentes do Sintese e o prefeito Juca acompanhado de seus assessores aconteceu na manhã desta terça, 04, na sede da Prefeitura de Laranjeiras.

Em reunião na manhã desta terça-feira, 04, o prefeito de Laranjeiras, José de Araújo Leite Neto (Juca) se reuniu com representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação Básica do Estado de Sergipe (SINTESE) e apresentou uma proposta para o pagamento do reajuste do piso salarial da categoria em 2023. O gestor municipal também explanou sobre os avanços e os investimentos em educação, realizados pela Prefeitura nos últimos anos.

A proposta do gestor é pagar o reajuste de 14,95% em três parcelas, sendo 10% no mês de agosto, 2,5% em setembro e 2,45% em outubro. Após o pagamento das três parcelas, os representantes dos trabalhadores e da gestão municipal voltam a negociar o pagamento do retroativo.

A Vice-presidente do SINTESE, Ivônia Aparecida reconheceu e parabenizou o prefeito Juca pelos avanços na Educação de Laranjeiras, mas ressaltou que a proposta será analisada pelos professores, durante assembleia, que acontecerá nesta quarta-feira. “Somente após a assembleia dos professores é que vamos oficializar o acordo coletivo ou dar prosseguimento ao diálogo com a Prefeitura”, afirmou.

“A minha vontade é pagar logo o reajuste do piso e do retroativo. Porém, as condições financeiras da Prefeitura não permitem e essa é uma proposta que contempla a categoria. A expectativa é que o pagamento do retroativo seja feito já a partir de janeiro de 2024. O meu compromisso é encerrar o próximo ano sem qualquer pendência financeira com o magistério”, disse Juca.

O prefeito fez questão de destacar os investimentos realizados em educação. “Nos últimos anos, melhoramos a estrutura das escolas, os índices da educação e implantamos o PAE, em que, cada aluno matriculado na rede municipal recebe R$ 50/mês. Tudo isso é reflexo no aumento do número de matrículas, que saltou de 3200 em 2021 para 5500 em 2023. A nossa meta é chegar a 6 mil estudantes na rede municipal. Esse é um mérito da gestão e do SINTESE, que tem sido parceiro. Por isso, tenho certeza que, juntos, vamos conseguir”, ressaltou Juca.

O gestor municipal frisou ainda que: “nos dois mandatos enquanto prefeito, nunca deixei de pagar os reajustes do piso salarial do magistério, assim como honrei com o pagamento de todos os servidores municipais, apesar de todas as dificuldades financeiras que encontramos. Sei da importância dos trabalhadores para o desenvolvimento e sucesso da nossa gestão. Por isso, sempre valorizei todos os trabalhadores e tenho certeza que nunca vou deixar de valorizar”, disse Juca.

Fonte: Midiando Comunicação/ASCOM PML.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias